Três a girar

“Certas pessoas doces e atraentes, fortes e saudáveis, morrem muito jovens. São mestras do disfarce ensinando-nos sobre a impermanência”.

Dalai Lama.

Amigos, precisamos sempre lembrar de viver o agora, de se conectar à realidade atual, curtir cada momento como se fosse o último… Temos que lembrar que um dia, como é a regra da vida, iremos para debaixo da terra e  ficarão apenas as recordações boas que passamos com os outros, com os nossos amigos, colegas, aqueles que cruzaram olhares perdidos conosco…

A vida é curta. Não vamos fazer da fina garoa uma trovoada, nem vamos nos importar com as pequenas bobeiras, com as pequenas quedas que nos fortalecem a cada dia. Vamos lembrar, SEMPRE, que dentro de nós há uma energia fascinante, repleta de luz, capaz de nos fazer carregar qualquer cruz….

Gabi Centurion, amiga que viajará com a gente agora em outro plano, foi quem sempre me mostrou que menos pode ser mais.  É por isso que espalho um pouco desta semente tão fascinante que ela plantou em cada um dos que a conheceram.

Este post poderia ficar só no meu coração, mas hoje estou com vontade de gritar para todos vocês: “VAMOS CELEBRAR A VIDA A CADA AMANHECER!!”

Esse post foi publicado em Sem classificação. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Três a girar

  1. Jacques disse:

    Meninos, muito legal a viagem de vocês vista desde aqui. É um exemplo prático da “regra três” da qual você fala em seu último post, Gegê. Beijão para vocês.

  2. Julio Cruz disse:

    Após um dia inteiro visitando casas populares em Miracema, a “cidade do abacaxi” do Tocantins, só tenho uma coisa a acrescentar: nunca gaste mais do que dois segundos reclamando que o taco de madeira cumari do piso da sua bela casa no Alto de Pinheiros tem uma rachadurinha, ou que o desgraçado do pedreiro deixou uma lasquinha imperceptível na pia de mármore de 3.000 reais do seu lavabo. Tem muita gente que vive feliz da vida numa casinha xexelenta de 30 metros quadrados, amontoada com a família toda, sem reboco sequer e com os tijolos à vista. Não aqueles bonitos que estão na moda e custam uma grana preta, mas os tijolões de construção mesmo, que os caras usam pra guardar escova de dente e documentos na falta de lugar melhor. Em breve, vou colocar umas fotos disso aqui.

    Jacques, valeu por aparecer por aí. Fique viajando conosco, que eu bem sei que vc gosta disso tanto quanto a gente.

  3. marili disse:

    obrigada pelo pensamento Maria
    eh sempre bom a gente se lembrar em evoluir e aproveitar essa vida, sempre
    beijos para voces

    • Marili, sabia que vc tb é minha inspiração? QQ dia vc será protagonista de algum comentário meu por aqui. Mas é verdade, äs vezes a gente esquece de simplesmente viver, n;e? Só reclamamos etc.
      Sou sua fã número 1 !!!
      Bjs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s