* Yoruba e swahili, em Brighton !

*Yoruba e swahili no dialeto africano significa levando e trazendo felicidade suprema!

“Vamos ouvir um sonzinho que meu amigo africano vai tirar? É rapidinho!”, disse  um amigo que faz mestrado sobre a África numa universidade em Brighton.

“Rápido mesmo? Hoje preciso ficar em casa porque minha flatmate polonesa vai fazer um jantar pra gente. Mas, então vamos, vou direto da aula, nem vou passar em casa, já que é rápido…”, disse eu a caminho do tal sonzinho…

Isso tudo foi no mesmo dia em que as pessoas resolveram falar de dinheiro, felicidade…  E, pra minha surpresa, caí numa festa maravilhosa de africanos, todos sem um puto, é claro, tocando um puuuuta som. Sonzinho? Há!

Por sorte, estava com a câmera na mochila, com pouca bateria, mas consegui fazer essa imagem que vocês virão a seguir. Reparem na senhora que está na percussão, a Beverly. Depois do show acabei sendo convidada para continuar na festa, mas na mansão dela, em Brighton. Fazia tempo que ela não abria a casa pra receber os amigos, os móveis estavam todos com pano por cima, cheiro de mofo… Por quê?

Ah… simplesmente porque ela largou tudo para viver na África. Mas, por que, Beverley? “Tudo bem, Maria, minha casa é confortável, linda, de frente para o mar. Mas… me faltava ainda o que eu não conseguia comprar e fui achar na África, junto com a miséria e o calor humano dos que me ensinaram a tocar este instrumento que hoje é minha vida…”

Esse post foi publicado em Inglaterra e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para * Yoruba e swahili, em Brighton !

  1. rafaella custodio pereira disse:

    oi maria, meu nome eh rafaella e estou em brighton fazem 2 meses, mas nao gosto daqui. eh todo mundo metido e esquisito. soh tem ingles e ninguem faz amizade facil. pelo que vejo, vc gosta. podemos nos conhecer. as pessoas usam meias diferentes em cada peh e sao bem loucas. em todas as festas soh tem gente bonita, mas louca e estranha. eu quero ir embora, mas vamos nos conhecer? um abraco, rafaella.

    • mariacastilho disse:

      Olá Rafaela, tudo bem? Que bacana você me encontrar no Dois a Girar!
      Espero poder ajudá-la em Brighton, essa cidade que me acolheu tão bem e que me sinto super à vontade para dar conselhos e as melhores dicas. Só não sei se nossos gostos são semelhantes. Se forem, você vai aproveitar bastante por aqui. Vamos lá: já faz dois meses que você está por aqui. Mora com host? Olha, se for este seu caso, aproveite demais sua família. Acho que metido não seja a palavra apropriada para os ingleses. Talvez eles não sejam tão coração aberto como nós, mas têm muitas qualidades que podemos explorar. Me expressei errado. São coração aberto, sim, mas se expressam de outras formas diferentes da nossa. Por exemplo: todas as casas, como você deve ter visto, tem uma vasta biblioteca e uma quantidade infinita de chás e os modelos mais simpáticos de kettles ( chaleiras ) . Por causa disso, eles passam o tempo nela, na biblioteca, com suas canequinhas de chás. Saem sempre correndo para os compromissos e não perdem tempo procurando a meia adequada ou limpando a casa, que seja. É muito engraçado porque é sempre igual em todas elas. São ótimos para falar sobre qualquer assunto, mas se vestem com o que veem pela frente. Já passei por 4 e é sempre assim. E daí que eles amam contar dos livros, nos emprestar, falar sobre o melhor chá para aquela ocasião, nos abraçam, acolhem etc. Essa é uma forma de nos aproximarmos da família. Pode começar por aí que é certeiro, além de melhorar nosso inglês. Na balada? Ahhhh… quem será que é louco: nós, brasileiros, ou eles, os ingleses? Claro que acharemos ingleses aqui, não é mesmo, Rafaela?. Estamos aqui para isso! Se você não quer encontrá-los, têm muitas festas brasileiras, que eu nunca vou. Aliás, no começo fui em uma, mas detestei. Tudo me lembrava as coisas ruins do Brasil: fila, gente mal educada, grossa, gritanto para pedir bebida, achando que é a melhor pessoa do mundo etc. Isso me dá preguiça e por isso optei por nunca mais ir. Todo dia também é dia de balada diferente e sempre tem uma barata. Por exemplo: terça-feira é dia de Font, onde a pint de Folster custa só 1,25 pounds. Visto que, geralmente, custa 4 pounds em dia normal ou nos outros lugares, tem como a gente se divertir mesmo sem dinheiro. Nestes lugares sempre têm estudantes do mundo inteiro e é fácil também fazer amizade. Quarta-feira é dia de Coco Loco ( olha que nome engraçado e que lembra nossa terra ), a balada onde toca música latina e os ingleses tentam se soltar. Eu não curto, mas você pode se divertir por lá. Todos os lugares de Brighton ( Tesco, Boots etc ) têm revistas culturais gratuitas informando a programação da semana. Sempre tem algum festival de arte rolando. A maioria é de graça ou barata pela qualidade que sempre nos é apresentada. Tem cinemas alternativos ( em Lends ), onde você pode passar horas vendo um filme atrás do outro e quando “booka” já tem direito a bebida alcoólica, comida etc. Adoro essas baladas. Temos aqui também mais de 2.000 pubs. Toda noite tem música ao vivo e você não paga nenhum centavo pra entrar. Brighton tem uma das melhores escolas de música na Inglaterra ( Paul estudou nela. sabia tb? ) e os estudantes sempre estão nos pubs para ganhar um trocado. Você dá quanto quer ou um só um sorriso. Para eles, que são um gênio ( porque é dificílimo entrar ), isso já valeu a noite…. Fora que agora com o sol bombando e escurecendo só umas dez e pouco da noite, a galera fica toda jogada na praia bebendo até altas horas e depois emendando nas baladinhas do Seafront. Lá, é impossível não fazer amizade. Imagino que depois de todas essas dicas, Rafa, alguma coisa pode mudar. E podemos nos conhecer, claro. Amo Brighton. Fui morar na Espanha e voltei pra cá rapidinho pq não aguentei ficar longe… Terei o maior prazer em ajudá-la. Será belo mostrar como é gostoso Brighton, como curtir os ingleses etc. Só que depois de 6 meses aqui deixei de fazer as unhas, tirar os meus cabelos brancos, por exemplo, passei a usar meias diferentes tb, meia calça furada, roupas sem ornar e meu tênis tá quase furando na ponta porque minha unha do dedão tá enormeeeeeeee. Essa noite estarei no Fishbowl ( http://www.drinkinbrighton.co.uk/fishbowl ), balada de jazz e funk, onde meu melhor amigo, que é inglês, toca hoje. Meu e-mail é magecastilho@gmail.com. Nos vemos lá? Um beijo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s